Links Úteis
Confidencial

Subscrever Newsletter

Cultura & Media

Vítima de insuficiência cardio-respiratória e tensão cardíaca elevada

Cabo Verde: Funeral de Cesária Évora com honras de Estado

Praia – O funeral da cantora cabo-verdiana Cesária Évora, falecida este sábado, 17 de Dezembro, aos 70 anos, no Mindelo, São Vicente, vai ter honras de Estado.

A informação foi avançada esta segunda-feira, 19 de Dezembro, pelo Primeiro-ministro José Maria Neves, que confirmou a sua presença no funeral, juntamente com o Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, o Presidente da Assembleia Nacional, Basílio Mosso Ramos, uma importante delegação ministerial, o secretário de Estado da Cultura de Portugal, Francisco José Viegas, entre outras entidades.

O corpo de Cesária Évora vai estar em câmara ardente no Palácio do Povo, o símbolo da República na ilha de São Vicente, a partir do meio-dia de terça-feira, 20 de Dezembro, até à hora do enterro, às 16 horas locais.

Antes de chegar ao Palácio do Povo, o corpo da artista passa pela casa que foi de Cesária Évora, na rua Fernando Ferreira Fortes, onde os amigos íntimos e familiares deverão prestar-lhe as últimas homenagens.

Numa entrevista à rádio pública cabo-verdiana, o Primeiro-ministro anunciou que apoia, de forma «incondicional», a proposta para atribuir o nome de Cesária Évora ao Aeroporto Internacional de São Pedro, em São Vicente.

José Maria Neves avançou que vai apresentar esta proposta na quinta-feira, 22 de Dezembro, ao Conselho de Ministros.

«Trata-se de uma ideia simpática, que surgiu nas redes sociais e que aprovo de forma incondicional», sublinhou o Chefe do Governo.

José Maria Neves referiu ainda que Cesária Évora deu um enorme contributo para que Cabo Verde fosse conhecido internacionalmente.

Assim, não só a 13ª ilha mas toda a nação cabo-verdiana deverá curvar-se perante a sua memória.

«Mais do que embaixadora de Cabo Verde no Mundo, a Diva dos pés descalços calçou as ilhas e apresentou-as ao mundo», salientou.
Cesária Joana Évora morreu na manhã de 17 de Dezembro, no Hospital Baptista de Sousa, em São Vicente, onde tinha dado entrada às 9 horas do dia anterior.

O Director clínico do Hospital Central da ilha de São Vicente, Alcides Gonçalves, confirmou a morte da artista, ocorrida às 11.20 horas, por insuficiência cardio-respiratória aguda e tensão cardíaca elevada.

(c) PNN Portuguese News Network

2011-12-19 18:02:01

MAIS ARTIGOS...
  Morreu Gabriel García Márquez, aos 87 anos
  Angola: Ministra da Cultura desloca-se a Moçambique
  Repórteres Sem Fronteiras publica relatório «Inimigos da Internet»
  Moçambique: Morreu o escultor Naftal Langa
  Tito Paris e Paulo Gonzo estão confirmados para os Cabo Verde Music Awards
  RSF apresenta «Classificação Mundial da Liberdade de Imprensa 2014»
  Rede social «Facebook» comemora dez anos
  Armando Guebuza condecora personalidades moçambicanas
  Moçambique: Ungulani Ba Ka Khosa vence Prémio BCI Literatura 2013
  «Maghreb/Machrek: Olhares Luso-marroquinos sobre a Primavera Árabe»
  Filme sobre Mandela estreia esta quinta-feira
  Escritores moçambicanos condecorados por Cavaco Silva

Comentários

Nome:

E-mail:

Comentário:



Hospedagem de Sites Low CostJornal Digital Cabinda Digital Luanda Digital Bissau Digital Jornal de São Tomé Timor DigitalCabo verde
Notícias no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais