Links Úteis
Confidencial

Subscrever Newsletter

Cultura & Media

Promotores consideraram o sonho do mestre

Moçambique: Obra «A Italiana» de Malangatana com novo rumo

Maputo - A última obra do mestre Moçambicano Malangatana, revelada ao mundo no início de Abril, continua a ser aclamada e a suscitar interesse em todo o Mundo.

«A Italiana», criada por ocasião do lançamento da FIAT em Moçambique, pela Técnica Industrial, empresa do Grupo João Ferreira dos Santos, foi a última obra de Malangatana. Esta resulta de um sonho do mestre, partilhado pela família Ferreira dos Santos, um projecto de carácter social e artístico que permitisse criar condições de desenvolvimento pessoal junto dos mais carenciados, através da formação, da cultura e da arte.

Malangatana chamava à viatura, um FIAT 500 novo, no qual trabalhou durante o seu último mês em Maputo, «a Italiana». Dia após dia, ao dirigir-se às oficinas da Técnica Industrial onde o trabalho decorria debaixo de algum sigilo, anunciava que «tinha encontro com a Italiana».

O recente falecimento deste grande nome da arte e cultura Moçambicana não lhe permitiu divulgar pessoalmente a sua obra «Italiana» ao mundo, tarefa que coube às famílias envolvidas no projecto, que, para o efeito, realizaram um leilão online, que decorreu entre 6 Maio e 6 de Julho. O leilão suscitou um enorme interesse em todo o mundo, principalmente nos coleccionadores e muitas outras personalidades, e instituições de relevo. Foi visitado por mais de 10.000 entidades, oriundas de 23 países.

Depois de dezenas de licitações o leilão online atingiu, no momento do seu fecho, o valor de 242.500,00 dólares, (7.032.500,00 meticais). A obra conseguiu assim alcançar mais 117.500 dólares, sobre o valor base de licitação de 125.000 dólares, o que representa uma valorização de 94%.

Desde o término do leilão, o Grupo João Ferreira dos Santos e a Fundação Malangatana estiveram a analisar e a verificar a validade das licitações. Após grande ponderação, os promotores do projecto decidiram não executar a venda da obra pelo valor da última licitação, accionado portanto o valor de reserva.

Os promotores têm em vista um outro e destino para esta obra, que melhor permita alcançar o sonho do mestre, perpetuando a sua obra no espaço e no tempo.

(c) PNN Portuguese News Network

2011-08-22 11:35:11

MAIS ARTIGOS...
  Morreu Gabriel García Márquez, aos 87 anos
  Angola: Ministra da Cultura desloca-se a Moçambique
  Repórteres Sem Fronteiras publica relatório «Inimigos da Internet»
  Moçambique: Morreu o escultor Naftal Langa
  Tito Paris e Paulo Gonzo estão confirmados para os Cabo Verde Music Awards
  RSF apresenta «Classificação Mundial da Liberdade de Imprensa 2014»
  Rede social «Facebook» comemora dez anos
  Armando Guebuza condecora personalidades moçambicanas
  Moçambique: Ungulani Ba Ka Khosa vence Prémio BCI Literatura 2013
  «Maghreb/Machrek: Olhares Luso-marroquinos sobre a Primavera Árabe»
  Filme sobre Mandela estreia esta quinta-feira
  Escritores moçambicanos condecorados por Cavaco Silva

Comentários

Nome:

E-mail:

Comentário:



Hospedagem de Sites Low CostJornal Digital Cabinda Digital Luanda Digital Bissau Digital Jornal de São Tomé Timor DigitalCabo verde
Notícias no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais